Núcleo virtual da Rede de Memória do IBGE. Divulga publicações, vídeos, instrumentos de pesquisa, sínteses históricas, depoimentos e demais produtos de memória empresarial construídos pelos servidores do IBGE

Presidente do IBGE: 1993-1994

Filho de Silvio Minciotti e de Terezina Aurora Menconi Minciotti, nasceu em São Paulo (SP), no dia 24 de outubro de 1947. Fez seus estudos iniciais no Externato e Colégio Casa Pia São Vicente de Paula e no Colégio Maria José.

Graduado em Química Industrial pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (1963–1967), e em Administração pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (1968-1972). Em 1986, obteve o título de mestre em administração pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, da Universidade de São Paulo, e, em 1993, o título de doutor também na mesma área e pela mesma Universidade.

No área acadêmica, atuou, no Brasil, como diretor-geral do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento de Pós-Graduação do Instituto Municipal de Ensino Superior de São Caetano do Sul (1981-1989), e como professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP (1993-2007). No exterior, atuou como professor associado visitante no Programa de Pós-Graduação de Mestrado em Economia (1992), na Universidade do Porto, em Portugal.

Fez parte ainda do Conselho Municipal de Educação e Cultura de São Caetano do Sul (1985-1989); do Conselho Estadual de Educação do Estado de São Paulo (1985-1987); e do Conselho Regional de Administração (2005-2007).

Exerceu o cargo de diretor de Marketing da Ferrovia Paulista S/A FEPASA (1994-1997).

Presidente do IBGE no período de 15 de junho de 1993 a 30 de março de 1994, durante sua administração, destacou-se a forte marca de habilidoso negociador com as representações sindicais, restabelecendo, com isso, a normalidade dos trabalhos do Instituto, na medida em que as pendências que existiam e eram motivo para inúmeras paralisações foram praticamente resolvidas. Além disso, garantiu, junto ao governo federal, a liberação dos recursos financeiros que permitiram o cumprimento de toda a programação das pesquisas.


© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística