Núcleo virtual da Rede de Memória do IBGE. Divulga publicações, vídeos, instrumentos de pesquisa, sínteses históricas, depoimentos e demais produtos de memória empresarial construídos pelos servidores do IBGE

Presidente do IBGE: 1956-1958 e 1958-1961

Filho de Joaquim de Lima Pires Ferreira e de Marianna Sianes Drummond de Castro, nasceu na cidade do Rio de Janeiro (RJ), em 22 de fevereiro de 1900. Estudou no Colégio Pedro II, no Rio de Janeiro, e, em seguida, ingressou na Escola Politécnica (RJ).

Engenheiro civil, economista, professor universitário e jornalista, seu primeiro emprego, ainda como estudante, foi o de fiscal das Docas do Rio de Janeiro. Já formado em Engenharia, trabalhou na construção da Estrada de Ferro Petrolina (BA) – Teresina (PI). Na Estrada de Ferro Central do Brasil, no Rio de Janeiro, chefiou a construção dos ramais de Lima Duarte, e de Austin a Santa Cruz, organizando, em seguida, o seu Departamento Comercial.

Após a Revolução de 1930, durante o seu exílio em Portugal, estruturou o primeiro jornal falado transmitido em Lisboa. De volta ao Brasil, durante o Estado Novo (1937-1945), chefiou o gabinete do Ministro da Viação, tendo participado da elaboração das normas para os Estatutos da Companhia Siderúrgica Nacional, criada em 1941. Com o fim do Estado Novo e a reconstitucionalização do país, elegeu-se, em dezembro de 1945, deputado federal na Assembleia Constituinte. Ao término do seu mandato, agosto de 1950, assumiu a direção da Estrada de Ferro Central do Brasil (16.08.1950 a 30.01.1951). Elegeu-se, novamente, desta vez como suplente de deputado federal, nos pleitos de outubro de 1950 e 1954.

Presidente do IBGE nos períodos, de 08 de maio de 1956 a 1º de julho de 1958 e de 17 de novembro de 1958 a 31 de janeiro de 1961, Jurandyr Pires planejou, orientou e dirigiu a "Enciclopédia dos municípios brasileiros" (1958 – 1960), o "Atlas do Brasil" (1958), e a "Carta do Brasil ao milionésimo" (1960). Foi responsável, também, pela aquisição do primeiro computador de grande porte (UNIVAC 1105), em 1960.

Jurandyr de Castro Pires Ferreira faleceu no dia 03 de maio de 1982, no Rio de Janeiro.


© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística