Núcleo virtual da Rede de Memória do IBGE. Divulga publicações, vídeos, instrumentos de pesquisa, sínteses históricas, depoimentos e demais produtos de memória empresarial construídos pelos servidores do IBGE

 

 

Ozélio Correia de Azevedo (1948- ), nasceu na cidade de Jardim do Seridó, Rio Grande do Norte, em 03 de abril de 1948. Graduado em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), ingressou no IBGE para trabalhar no Censo demográfico 1970. Ainda na década de 1970, teve a oportunidade de participar do Estudo Nacional da Despesa Familiar (ENDEF). Supervisionou censos demográficos, pecuários e econômicos, além de ter coordenado a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) no Rio Grande do Norte. Aposentou-se em abril de 1994. Na data da entrevista fazia parte da ASSIBGE - Sindicato Nacional (ASSIBGE-SN), sendo um dos membros do Conselho Fiscal e coordenador do Núcleo do Rio Grande do Norte.

 

Veja o clipe com trechos selecionados da entrevista:

 

Se não conseguir visualizar o clipe da entrevista na janela abaixo, clique aqui.


Ver ficha técnica

Nome: Ozélio Correia de Azevedo

Área de Atividade: Rede de coleta

Depoimento produzido pela Supervisão de Documentação e Disseminação de Informações (SDI) da UE/RN no contexto do Projeto História das Unidades Estaduais do IBGE. Integra o Sistema de Preservação e Disseminação da Memória Institucional e tem por objetivo reconstituir o processo de formação e evolução do IBGE.

Data: 04/08/2011

Local da gravação: UE/RN-SDI

Duração: 62 min

Dados biográficos do depoente

Nome completo: Ozélio Correia de Azevedo

Nascimento: Jardim do Seridó (RN) - 03/04/1948

Data de entrada no IBGE: 19/03/1970

Data de saída ou aposentadoria: 18/04/1994

Formação ou cargo: Ciências Sociais

Principais atividades: Supervisor Censitário; Supervisor e Coordenador da PNAD; Chefe de Seção

Equipe

Levantamento de dados: Ivanilton Passos de Oliveira (UE/RN-SDI)

Elaboração do roteiro: Ivanilton Passos de Oliveira (UE/RN-SDI)

Entrevistadores: Ivanilton Passos de Oliveira (UE/RN-SDI) e Marcos Vieira Castro (UE/RN-SDI)

Gravação: Marcos Vieira Castro (UE/RN-SDI)

Sumário: Barbara Guimarães (estagiária) (CDDI/Memória Institucional)

Copidesque do sumário: Vera Abrantes (CDDI/Memória Institucional)

Indexação: Barbara Guimarães (estagiária); Vera Abrantes (revisão) (CDDI/Memória Institucional)

Assuntos:

  • Censo demográfico 1970;
  • rede de coleta;
  • mística Ibgeana;
  • Estudo Nacional da Despesa Familiar (ENDEF);
  • sindicalismo;
  • cartografia;
  • Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD);
  • treinamento de censitários;
  • Associação dos Servidores do IBGE (ASSIBGE);
  • coleta de dados

Sumário do depoimento:

  • formação primária;
  • primeiros trabalhos;
  • ingresso no IBGE no Censo demográfico 1970;
  • importância do agente de coleta e do IBGE para a sociedade;
  • memória institucional;
  • a "contagem rápida" para o Censo;
  • qualidade do Censo demográfico 1970, no Rio Grande do Norte;
  • formação e qualidade dos profissionais da Unidade Estadual do Rio Grande do Norte;
  • visitas dos Presidentes e Diretores-Gerais do IBGE à Delegacia do Rio Grande do Norte;
  • família ibgeana;
  • Estudo Nacional da Despesa Familiar (ENDEF);
  • condições atuais dos recenseadores;
  • características das pesquisas realizadas;
  • treinamento de campo para o ENDEF;
  • formação superior;
  • aposentadoria do IBGE;
  • entrada na ASSIBGE;
  • desafios na realização dos censos;
  • trabalhos de cartografia na década de 1970;
  • dificuldades de locomoção para a realização do trabalho censitário;
  • considerações sobre a mudança na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD).

© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística